História

A Cerveja Tormenta é formada pelo casal Tiago Beetz e Lívia Fernandes e tem alma caseira. Nasceu nas panelas no início de 2010, quando começava a acontecer o aquecimento cervejeiro em Curitiba – PR. Durante o tempo nas panelas de casa mais de 100 receitas foram produzidas, algumas delas premiadas no Concurso Nacional das Acervas nos anos de 2011, 2012 e 2013. O caminho até a regularização e venda foi longo, mas em 2013 foi lançado seu primeiro rótulo, a Hoppy Day. Hoje, com quatro rótulos no mercado, é produzida de forma terceirizada na Cervejaria Curitiba – GaudenBier.

Tiago Beetz sorrindo e segurando uma cerveja.

Tiago Beetz

Cervejeiro caseiro desde 2010

Tiago é cervejeiro na Cervejaria Curitiba (GaudenBier), formado em Tecnologia em Eletrônica. Membro fundador da Acerva – PR, juiz BJCP Certified , mestre cervejeiro formado pelo Senai de Vassouras – RJ e Beersomelier pela ABS. Cervejeiro master e proprietário da Cerveja Tormenta.

Lívia Fernandes sorrindo e segurando uma cerveja.

Lívia Fernandes

Cervejeira caseira desde 2010

Lívia é bancária, formada em Turismo e Meio Ambiente, com MBA em Desenvolvimento Regional Sustentável. Membro fundador da Acerva – PR, juíza BJCP Certified, cervejeira e proprietária da Cerveja Tormenta.

Evolução e explicação da marca

O nome e a primeira identidade visual utilizada pela Cerveja Tormenta foi criada de forma inesperada. Procurou-se um nome forte, que demonstrasse todo envolvimento do casal com a cerveja artesanal. Mares nunca antes navegados eram explorados por novas embarcações.


A entrada para o mercado formal foi acompanhada pela reinvenção da logomarca. Foi criado um mascote que representa o Kraken, um polvo mitológico que durante as grandes tormentas marítimas, afundava as caravelas em alto mar. Ele representa todos os obstáculos que foram vencidos para entrar no mercado formal.